energia solar no agronegócio

Energia Solar no Agronegócio: veja como funciona e mais

A energia solar no agronegócio é destaque nos últimos anos e por isso muitos gestores têm buscado entender melhor como essa solução enérgica pode ser responsável por tantos benefícios.

Em linhas gerais, o aumento por essa alternativa energética aconteceu por dois importantes fatores. Primeiro, o custo KW/h teve um grande salto nos últimos anos, acarretando em mais custos para empresas do segmento do agribusiness.

Por outro lado, a energia solar subiu mais posições e hoje é considerada a melhor alternativa para redução de custos energéticos de imediato, especialmente para o agronegócio, que conta com facilidade extra para implementar esse tipo de solução.

Com isso em mente, a BRS Energia Solar decidiu explicar por completo a energia solar no agronegócio, mostrando como funciona, sua importância, vantagens e, principalmente, como implementá-la.

Como funciona a energia solar no agronegócio?

A energia solar no agronegócio trabalha com soluções energéticas sob medida e usa espaços inexplorados para reter a luz solar e transformá-la em energia usável a partir de placas solares.

Assim, a sua empresa passa a ter um gerador próprio e impacta diretamente nos custos operacionais do seu dia a dia.

Por exemplo, se o seu negócio paga uma conta de luz equivalente a 80 mil reais ao mês, a partir da energia fotovoltaica você pode reduzir esse gasto a 10 mil reais ao mês caso opte por um projeto com potência de 408 kWp.

Em pouco mais de um ano, a sua economia ultrapassa mais de 700 mil reais em gastos operacionais se considerar o exemplo acima.

Por que a energia solar no agronegócio é importante?

A energia solar no agronegócio vai em encontro com o crescimento a passos largos do segmento e essa solução energética pode ser responsável por uma expansão ainda maior.

Mesmo com o período de pandemia e novas dificuldades logísticas, como o baixo número de containers e a menor circulação de caminhões, o PIB do agronegócio deu um salto em 2020 e cresceu 9%, de acordo com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

Os dados da CNA também indicam um cenário favorável para 2021, com um crescimento estimado de 4%. Porém, vale ressaltar que o mercado pode ser ainda melhor visto o valor do dólar.

Em paralelo ao crescimento do setor, a energia fotovoltaica evolui cada dia mais e conta com ainda mais facilidade para ser financiada.

A partir dessas soluções ainda mais acessíveis, muitos gestores têm adotado a energia solar no agronegócio e hoje possuem uma economia expressiva.

Em entrevista ao site AVICultura, o empresário Vinicius Ribeiro Araújo contou que a sua decisão para implementar um projeto de energia fotovoltaico para atender 100% da sua demanda foi a melhor possível.

Essa opinião tão contundente se dá pelo retorno sobre investimento em aproximadamente quatro anos, que gerou economia de 75 mil reais ao mês em média.

Vantagens da energia fotovoltaica no agronegócio

O uso da energia solar no agronegócio se dá por vários fatores e vai muito além da economia propriamente dita. Isto é, mesmo com a redução de gastos operacionais, esse tipo de solução pode apresentar ainda mais benefícios para sua fazenda.

Para tirar o máximo de proveito dessa solução é importante conhecer algumas vantagens da energia fotovoltaica no agribusiness.

Por isso, veja 3 vantagens da energia solar no agronegócio que a BRS Energia Solar separou.

1. Melhora a reputação da empresa

Empresas do segmento do agronegócio ainda têm uma imagem negativa para o público mais leigo e com a implementação de uma solução energética auto sustentável, o seu negócio consegue passar uma imagem positiva em relação aos concorrentes.

Desta forma, é possível criar ações de marketing e apresentar a adoção de soluções energéticas limpas por parte da empresa, melhorando a reputação do seu negócio.

Uma vez que a sua reputação está dissociada à imagem negativa do agro, o seu negócio pode esperar mais facilidade para fechar parcerias e até a procura por parte de jornalistas do segmento para você contar a sua experiência.

2. ROI em aproximadamente quatro anos

O retorno sobre investimento (ROI) acontece em aproximadamente quatro anos e após esse período o projeto garante apenas economia ao seu negócio. Ainda assim, a economia nos gastos operacionais é imediata após implementação do projeto.

Vale destacar também que as placas solares e os geradores têm vida útil superior a 25 anos, então é certo afirmar que a implementação desta solução garante anos de economia.

3. Facilita processos e atualizações

A energia solar no agronegócio também facilita processos e novas atualizações nos processos operacionais da sua fazenda. Por exemplo, a irrigação pode ser expandida com mais facilidade, afinal você tem um gerador de luz próprio à disposição.

No caso de atualizações, a mesma regra se aplica. Você pode explorar novas áreas com mais facilidade desde que essa ideia seja levada em consideração na elaboração do seu projeto de energia fotovoltaica.

Inclusive, entender a real necessidade da sua empresa é algo fundamental para implementar este tipo de solução, como verá no tópico seguinte.

Como implementar a energia solar no agronegócio?

Para implementar a energia solar no agronegócio, você precisa levar em consideração alguns pontos para extrair o máximo de proveito da energia fotovoltaica.

O primeiro passo é ter em mãos o tamanho da sua propriedade e, principalmente, o espaço dedicado para instalar as placas solares na sua fazenda. Com isso em mente, o projeto consegue atendê-lo de uma maneira ainda mais eficiente.

Na sequência, você precisa calcular o valor médio da sua conta de luz nos últimos três meses e informar para a empresa especialista em soluções fotovoltaicas, como a BRS Energia Solar.

A BRS Energia Solar é especialista em instalações em áreas rurais e já realizou mais de 95 projetos sob medida.

Inclusive, você pode realizar uma simulação de um futuro projeto para atender a sua empresa em poucos minutos. Assim é possível ter uma ideia da sua economia antes de colocar o projeto em prática.

A simulação é facilitada e basta apenas especificar o porte da sua empresa e o valor médio do seu gasto com luz.

Em caso de dúvidas, também é possível entrar em contato através do WhatsApp e conversar com um especialista da BRS Energia Solar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *