Vai compensar investir em energia solar em 2023

Vai compensar investir em energia solar em 2023

Diversas pessoas querem saber se vai compensar investir em energia solar em 2023. Afinal, algumas regras sobre o assunto mudaram.

Nesse sentido, tudo se deve graças ao Marco Legal da Geração de Energia Distribuída. Esse é um sistema sancionado e escalonado pelo Governo Federal em 2022.

Todavia, você sabe ao certo, quais mudanças ocorrerão em sistemas de energia solar que existem em casas e imóveis em geral? 

Afinal, será mesmo que muita coisa vai mudar? Além disso, e a questão da economia? Vai compensar ainda adquirir projetos de energia do sol em casa? Ou realmente é melhor desistir da ideia?

Logo, se você tem dúvidas sobre o assunto, chegou no local certo! Sendo assim, para esclarecer todas as suas perguntas sobre o tema, leia o artigo até o final e tenha uma excelente leitura!

Saiba agora se vai compensar investir em energia solar em 2023

Primeiramente, é bom salientar que no último dia 7 de janeiro houve a publicação e sanção da Lei Nº 14.300/2022.

Desse modo, existe a partir de agora uma nova legislação que cria regras e inovações em relação à tributação sobre a energia solar. Isso vale tanto para empresas, como também para residências que possuem esse sistema.

Entretanto, antes mesmo de você continuar a leitura, podemos afirmar que ainda assim vale muito a pena o investimento em painéis solares. Portanto, entenda mais sobre essas mudanças nos próximos tópicos. Continue conosco!

Marco legal da geração de energia distribuída: o que é isso?

Ao passo que você sabe que ainda vai compensar investir em energia solar em 2023, compreenda agora melhor o que é o Marco Legal da Geração de Energia Distribuída.

Antes de mais nada, entenda que esta é uma lei que instituiu a cobrança sobre a distribuição de energia solar. Ou seja, haverá uma diminuição na economia da após a instalação de painéis fotovoltaicos a partir do momento que a lei entrar em vigor.

Contudo ainda assim é possível economizar bastante essa taxação foi apelidada pelo povo brasileiro como “taxação do sol” 

Basicamente, a partir de 7 de janeiro de 2023 haverá uma espécie de escalonamento no abatimento de energia solar que é entregue à rede de distribuição energética.

Todavia, ainda assim essa fonte de energia continua sendo bastante econômica e viável. Sob o mesmo ponto de vista, trata-se de uma fonte de energia totalmente renovável, muito abundante no nosso país e, claro, 100% limpa.

Taxa para energia solar

Que tal entender um pouco melhor como ficará essa questão de taxas para a energia solar e sistemas fotovoltaicos? Para isso, acompanhe o pequeno resumo que elaboramos abaixo para te auxiliar no entendimento do tema. Confira:

  • De maneira direta e resumida a taxa para energia solar funcionará da seguinte forma: haverá um sistema de cobrança de 15% da tarifa da sua conta de energia elétrica logo no primeiro ano de vigor do Marco Legal (a partir de janeiro de 2023);
  • Em contrapartida, já no último ano deste Marco Legal (que será em 2028) haverá a cobrança de até 90% da tarifa da conta de energia elétrica. E a partir de 2029, será visível na conta de luz 100% dessa cobrança;
  • Em síntese, a economia das pessoas que possuem energia solar em casa cairá dos 95% (em média) que hoje vigora, para até – no máximo – 78% em 2029, quando haverá uma cobrança de 100% da tarifa energética.

Logo, conforme você viu acima, a economia de quem possui o sistema de energia solar em casa realmente ficará menor.

Entretanto, ainda será possível economizar até 78% na conta de energia elétrica. O que é muito vantajoso, principalmente para locais em que a conta é relativamente alta. Ou seja, que ultrapasse a casa dos 300 reais mensais.

Energia solar vai ficar mais cara?

Essa é a maior dúvida da maioria das pessoas e podemos responder de forma clara que sim. Nesse sentido, ter o sistema de energia solar na sua empresa ou residência (ou outro estabelecimento) ficará um pouquinho mais caro.

Todavia, ainda assim vale muito a pena adquirir tal sistema. Uma vez que os valores sequer podem ser comparados com residências ou outros locais que não possuem tal projeto de geração energética.

Energia solar não é mais viável: mito ou verdade?

Desde que o Marco Legal da Geração de Energia Distribuída foi sancionado muitos mitos surgiram na internet. Dessa forma, é bem bastante comum encontrar posts ou matérias que dizem que a energia solar não é mais viável.

Sob o mesmo ponto de vista, existem até pessoas que afirmam que não vale mais a pena contar com esse tipo de tecnologia, uma vez que haverá “taxação do sol”.

Mas ao contrário do que muita gente imagina, adquirir painéis fotovoltaicos ainda é uma excelente opção. Uma vez que esse sistema de geração de energia conseguirá garantir, em média, uma economia mensal superior aos 70% Além disso, você terá uma fonte de energia limpa renovável e que é altamente durável.

Afinal, quando os painéis solares possuem os seus cuidados corretamente eles duram até 25 anos.

Tira teima rápido sobre a energia solar

A nossa matéria de hoje que fala se vai compensar investir em energia solar em 2023 está chegando ao fim. Contudo, abaixo você poderá ver algumas dúvidas comuns sobre o assunto para te ajudar a entender de uma vez por todas tudo sobre painéis fotovoltaicos. Acompanhe!

Em uma casa pequena, quantos painéis solares são necessários?

Pequenas empresas e casas com poucos moradores costumam gastar, em média, 300 kW hora. Nesse sentido, para a produção dessa quantidade energética o ideal é um investimento em cerca de 7 painéis solares.

Contudo, é bom pontuar que esses valores e quantidade de placas sempre serão realmente revistos e projetados pela empresa que vai fazer a instalação do seu projeto de energia solar.

Em resumo, tudo varia entre os orçamentos e as necessidades dos clientes. 

Mesmo com um sistema fotovoltaico em casa, pagarei conta de luz?

Mesmo pessoas que contam com um sistema de energia solar em casa pagam a conta de luz. Ainda que seja a tarifa mínima.

Sob o mesmo ponto de vista, a partir do ano que vem além da tarifa mínima haverá uma espécie de “taxação do sol”, que vai começar em 15% até chegar em até 100% em 2029, conforme você aprendeu acima. 

Como escolher uma empresa para instalar painéis solares?

Por último, mas não menos importante, na hora de escolher uma empresa para fazer a instalação de sistema de energia solar é muito importante que você avalie alguns pontos, tais como:

  • Verifique se a empresa possui registro. Ou seja, trata-se de uma empresa que atua dentro da legalidade;
  • Além disso, pesquise bem a reputação da empresa. Desse modo, isso pode ser feito nas redes sociais e também em sites de defesa do consumidor;
  • Ademais, se possível, procure clientes da empresa e verifique se eles realizam uma boa instalação do projeto. Beja ainda se eles atuam de maneira legal no pós-venda;
  • Por fim, desconfie de preços muito abaixo do mercado. Afinal, pode se tratar de golpe.

Conclusão

No post de hoje você aprendeu que vai compensar investir em energia solar em 2023. Bem como, entendeu um pouquinho mais sobre o Marco Legal da Geração de Energia Distribuída.

Compartilhe esse conteúdo nas suas redes sociais e caso tenha alguma dúvida deixe seu comentário abaixo!

Se interessou? Quer fazer um orçamento? Solicite seu orçamento aqui 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.